Franquia de energia solar: quanto custa e como abrir a minha? - Solarprime

Franquia de energia solar: quanto custa e como abrir a minha?

Franquia de energia solar: quanto custa e como abrir a minha?

O setor de energia solar é cada vez mais rentável. Por isso, pode ser uma ótima opção de negócio para você. Nesse sentido, é preciso se preparar e uma das principais informações que você deve obter é: na franquia de energia solar, quanto custa abrir uma unidade? Além dela, também é importante planejar outros fatores. 

Neste post, confira as razões para abrir sua franquia de energia solar e veja quanto custa abrir uma. Saiba também como se preparar para esse processo. Boa leitura! 

Afinal, por que vale a pena abrir uma franquia de energia solar? 

O setor de energia solar está em plena expansão. Afinal, segundo a Absolar, o Brasil já passou dos 15 GW em capacidade de produção, destes, 67% vêm da geração distribuída, que inclui casas, indústrias, comércio e outras categorias que somam quase 1 milhão de sistemas. 

Diante disso, e com os altos preços de energia, cada vez mais pessoas demonstram interesse em ter o seu próprio sistema de geração de energia. Assim, a tendência é que o mercado continue em crescimento, por isso a franquia de energia solar se torna uma opção interessante para quem quer abrir o seu próprio negócio. 

Franquia de energia solar: quanto custa abrir uma? 

Agora que você sabe do potencial, fica a dúvida “franquia de energia solar: quanto custa abrir uma?” Para isso, é preciso considerar diferentes custos. Para começar, o franqueado deve pagar à franqueadora a taxa de franquia, bem como royalties, gastos com marketing e outras possíveis taxas presentes em contrato. Além disso, precisa da estrutura básica, conforme o modelo escolhido. Isso significa gastos com: 

  • espaço físico; 
  • energia e água; 
  • internet; 
  • despesas para abrir a empresa e ter CNPJ. 

Nesse caso, o modelo da franquia importa muito. Por exemplo, na Solarprime é possível abrir uma unidade com custo inicial de R$27 mil, em modelo home based. Nesse exemplo, o payback pode ser dar entre 5 a 12 meses. 

Além disso, você também pode ter que lidar com gastos extras. Assim, um dos mais comuns são os funcionários, principalmente se você tiver uma loja ou quiosque. Com eles, despesas com salário, impostos e outros custos devem ser considerados. Além disso, também deve levar em conta a aquisição de equipamentos – desde um computador a um ar-condicionado – até outras campanhas de marketing. 

Como se planejar para abrir a sua franquia? 

Agora que você sabe como funciona uma franquia de energia solar, também precisa saber como se planejar para aproveitar o melhor dela. Para isso, confira as dicas a seguir! 

Analise o mercado 

Atuando online com a franquia de energia solar, você pode atender qualquer pessoa em qualquer lugar. Porém, se o seu objetivo é uma loja, é preciso uma boa análise local. Afinal, além de levantar a concorrência, você deve descobrir qual é o melhor ponto para abrir a sua franquia, ou seja, onde será melhor vista e terá boas oportunidades de fechar negócios. 

Defina o orçamento 

Para começar, é preciso que você tenha um orçamento definido. Nesse caso, não só para fechar o contrato com a franqueadora, mas para assumir os gastos extras que venha a ter. Sendo assim, é preciso ter esse montante previamente. Outro fator importante é contar com um valor para capital de giro, até que o negócio comece a render. 

Faça um plano de negócios 

O plano de negócios é fundamental para qualquer empresa. Com ele, você pode se preparar para os próximos meses, sabendo como deve atuar e quanto rendimento será necessário. Sendo assim, desenvolva o seu, prevendo os gastos e estipulando metas alcançáveis para realizá-lo. 

Se você se pergunta “franquia de energia solar: quanto custa?” é porque tem interesse neste mercado altamente rentável, certo? Mas antes de abrir a sua é importante seguir nossas dicas de planejamento. Além disso, é essencial contar com uma franqueadora de excelência, como a Solarprime, que é a maior rede do setor no Brasil, com mais de 400 unidades em todos os estados e de mais de 100 engenheiros vinculados às principais companhias elétricas, para atender os seus clientes em todo o país. 

Quer saber como ter o seu próprio negócio de energia solar e aproveitar seus benefícios? Fale com a gente

Related Posts
Leave a Reply

Your email address will not be published.Required fields are marked *